Publicação em destaque

Algumas considerações sobre a visualização espontânea de auras

Sarva Yoga - Yoga Holístico

Sarva Yoga - Yoga Holístico
Guia através da Aura

quinta-feira, 26 de abril de 2018

Simbologia da casa


Resultado de imagem para ashram

Hanuman Temple, Kashi Ashram, Sebastian, Florida, USA

O corpo é a nossa primeira casa. E como Buda disse: “Onde quer que viva esse é o seu Templo, se o tratar como o tal.”

Muitas vezes deparamos-nos com a simbologia da casa e não nos damos conta que é sobretudo uma simbologia energética que representa os nossos 6 corpos.

No budismo e no taoísmo, as casas representam o corpo humano, e na Roda da Vida do Tibete, o corpo humano é representado por uma casa com seis janelas que representam os seis sentidos. Em África, e entre algumas tribos, a casa é o corpo vivo do Universo. Em muitas filosofias esotéricas, a casa é o ser interior e as suas várias divisões correspondem aos vários estados de alma, sendo as divisões próximas do solo símbolos do inconsciente e as partes mais próximas do céu representam a elevação espiritual.

Na psicanálise, a casa é também associada ao corpo e à psique humanos: o exterior da casa é o aspecto físico e uma espécie de máscara protectora, enquanto o interior da casa diz respeito ao interior dos seres humanos e à sua evolução pessoal. A casa é também um símbolo feminino por excelência, de refúgio e protecção.

Não é à toa que o Feng Shui tem recomendações sobre o modo como usar cada divisão da nossa casa. Porque, de facto, também existe uma simbologia para cada uma delas; como, também, existe uma simbologia ou representação para portas, janelas, fachadas e zonas específicas da casa.

Uma casa é composta por pelo menos 3 andares e conforme o que fazemos em cada um deles em sonhos, visões diz-nos muito da simbologia associada. Cada um dos espaços de nossa casa tem um significado que corresponde a aspectos importantes de nossa vida.

A simbologia da casa, tal como a árvore, a cidade e o templo, está associada ao centro do mundo, já que ela é uma espécie de redoma dos próprios indivíduos que se movimentam e organizam a sua vida a partir do lar. A casa é também uma espécie de reflexo do universo, pois constitui uma unidade, um todo, um conceito espacial, físico, emocional e psicológico.

Portão ou porta de entrada - são consideradas as "bocas" do terreno ou da casa. São eles que fazem o contacto entre a casa e o mundo exterior e controlam a qualidade e a quantidade de energia que vai entrar. Os muros não devem estar rachados ou com pintura em mau estado. Isso revelaria pontos fracos na protecção da família. Janelas nos muros não são aconselhadas e muito menos portões enferrujados, em desnível ou com madeira comida.

O caminho que leva à porta de entrada deve estar sempre limpo, bem cuidado, iluminado e ter fácil acesso. Além de ser convidativa e acolhedora, a entrada nunca deve apresentar obstruções e entulhos. A porta de entrada também deve estar em bom estado, com maçanetas firmes e sempre desobstruída. Nunca coloque móveis ou entulhos atrás das portas. Lembre-se: a entrada é o cartão-de-visita de sua casa tanto para as visitas quanto para as boas energias.

Portas e janelas - são, respectivamente, as bocas e olhos da casa. Das portas já falamos e para as janelas o Feng Shui recomenda cuidado especial com a limpeza e vidros que facilitem a visualização do cenário exterior. Nada de vidros quebrados ou rachados. Caso contrário, este descuido pode se reflectir em problemas visuais em seus moradores, bem como a falta de horizontes e perspectivas. As portas são como as bocas dos pais, enquanto as janelas são as vozes das crianças.

Formato dos espaços - As casas com formato em "L" ou as construções irregulares não são aconselháveis. Neles, a energia circula com mais dificuldade, sendo provável a existência de um local onde ela fique presa e estagnada ou onde se possa formar um vazio de energia. Casas redondas optimizam a circulação de energia. Na tradição irlandesa, a casa redonda é um símbolo celeste representando a atitude dos homens face às forças do mundo sobrenatural.

Sala de estar – é o centro da construção, onde se encontra o "coração" da casa e por conseguinte a nossa paixão ou vontade de viver.

Quarto- representa a nossa intimidade e emoções mais privadas. Armários: escondem os nossos segredos. Cama: representa uma situação de amizade, uma ligação forte. Canapé: representa luxuria e preguiça.

Cozinha – É por excelência o símbolo da Alquimia numa casa, logo representa a transmutação de todas as energias que entram no corpo humano seja através do corpo físico como através da alma. Este é o local da casa em que as energias se propagam no sentido de gerar prosperidade e riqueza para os moradores. Qualquer problema nesse espaço pode, então, significar que as finanças da família estão a ser prejudicadas. O fogão é, sem dúvida, a grande símbolo de transmutação da cozinha. O bom funcionamento dos canos de água, a limpeza e ordem dos armários e despensa, e a presença de certos alimentos como o arroz, o sal, frutas, milho e o mel também têm um significado de boa fortuna e de abundância.

Casa de Banho - a água simboliza fartura e dinheiro, e é justamente este o local onde a água entra e sai da casa. É neste local que depositamos todas as nossas impurezas. Local Yin por natureza, se mal localizado, pode atrair e mandar embora todas as boas vibrações da casa.

Segundo o Feng Shui: as suites não são aconselháveis, uma vez que, se a cama estiver alinhada com a pia (os dois estiverem na mesma parede), o morador, com certeza, terá problemas sérios de saúde. A cozinha (fartura) também deve estar afastada do banheiro. As portas devem sempre permanecer fechadas, assim como a tampa do vaso sanitário. As plantas no local são boas para as energias.

Corredores - são as veias da casa. São eles que ligam os diversos espaços, permitindo que entre eles haja uma boa troca de energias.

Segundo o Feng Shui: Se os corredores não respiram, toda a casa pode sufocar. Já os corredores muito compridos acabam por acelerar demais as energias, causando nervosismo e desequilíbrio nos moradores, principalmente em quem dorme no quarto que fica no final do corredor e acaba por tornar-se demasiadamente excitado. Nesse caso, o ideal é colocar quadros nas paredes, tapetes com estampas ou objectos de decoração, que teriam o efeito de diminuir a velocidade da energia Chi. O excesso de portas em um corredor também não é muito positivo, uma vez que pode gerar diversidade de opiniões contraditórias e grande desperdício de energias, resultando em desarmonia entre os familiares.

Escadas - as escadas servem como túneis por onde a energia de uma casa flui de cima para baixo, fazendo um intercâmbio energético na vertical.

Segundo o Feng Shui: as escadas com degraus vazados são desaconselháveis, uma vez que dispersam as energias e as em espiral causam confusão. As escadas nunca devem estar no centro da casa e muito menos dirigidas para a porta de entrada, pois são como uma queda d'água que se dirige para fora levando toda a energia com ela. Vasos de plantas, luminárias, biombos e esferas facetadas são algumas das curas propostas pelo Feng Shui para equilibrar a energia das escadas.

Cave - representa a mente instintiva, o inconsciente e os antepassados. O que se passa na cave tem expressão na mente instintiva. Representa o passado.

Sótão – representa a mente espiritual e as aspirações mais elevadas do ser humano. O telhado representa a ligação ao Universo e à Alma universal. Representa também o futuro.

Andares – representam a nossa vida presente e a expressão corrente da nossa energia actual.

Quintais e jardins – representam a nossa extroversão e comunicação bem como podem ser sinal da nossa generosidade ou misoginia no caso de ausência de um jardim ou jardim maltratado.

Para terminar, relembro o que Omraam disse num dos seus livros. Vou dizer por palavras minhas porque não encontro a citação:

As casas são construídas começando pelas fundações que representam o corpo físico e a energia herdada dos antepassados. Depois erguem-se as paredes e elas representam as nossas aquisições energéticas e as crenças nesta vida. Mais tarde, o telhado é construído e ele representa a espiritualidade e a ligação com o Divino. Mas é a decoração da casa, que é o último passo, que é coroa de glória e representa o trabalho interior que mais ninguém pode fazer em nosso lugar.

Paz e Amor
Curadora64

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:

Sem comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

copyscape

Protected by Copyscape

DUAS TÉCNICAS DE MEDITAÇÕES PASSIVAS - OSHO

Qigong

Sobre o Amor

Adam Kadmon

Meridianos MTC

Kundalini

viagem astral

Toroide - Energia Livre

Formas de Pensamento

A Grande Invocação

Aura - o que é?

Controlo da Mente

Vida ET


"Se não existe vida fora da Terra, então o universo é um grande desperdício de espaço."- Carl Sagan
Posted by Auras, Cores e Números on Sábado, 29 de agosto de 2015

Chakras

Deva Premal - playlist

Daiqing Tana - OM MANI PADME HUM