Publicação em destaque

Algumas considerações sobre a visualização espontânea de auras

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Noticias do Mundo

 
Não gosto de prever datas, até porque as poucas que previ falharam (e muitas vezes falham sem quase sabermos porquê).
 
As notícias que recebi fazem previsões de datas muito optimistas, mas eu não quero ir por aí. No entanto tudo parece indicar que o actual sistema financeiro está a chegar ao fim, entrando em colapso dentro de muito pouco tempo.
 
O sistema bancário americano e europeu está numa grave crise e tanto o Federal Reserve como o Banco Central Europeu resolveram adiar a sua morte através de uma injecção de notas falsas, com o pretexto de estarem a ajudar a economia dos países.
 
A elite da NWO está a perder em todos os campos e a entrar em desespero, tentando acordos fictícios com a Resistência (que não são aceites), recorrendo a ataques, fazendo ameaças e atentados e a ver se consegue ainda despoletar uma guerra mundial que hipoteticamente vire a situação a seu favor. Mas isso é já completamente impossível.
 
A NWO está definitivamente derrotada e até mesmo alguns países da Europa que estavam com ela, começam seriamente a pensar em se afastar, embora fazendo segredo disso com medo das consequências que daí podem advir.
 
Assim, o Ocidente (Estados Unidos e Europa) continuam a afirmar os benefícios da austeridade, que tem levado à pobreza as suas populações e a um maior endividamento dos países. No entanto continuam com belos discursos e a fazerem crer que tudo vai bem e que finalmente estamos no caminho do sucesso. Mas para quem sabe ver, a realidade é bem diferente. 
   
Passos Coelho, Primeiro Ministro de Portugal, falando sobre o estado do país, diz que o seu governo tirou Portugal da crise e que está agora em condições de finalmente começar com as iniciativas apropriadas para o seu “desenvolvimento económico e social”. Mas, claro que isso só será visível em 2016.

 Muito apropriadamente, só acontecerá depois das eleições de 2015.
 


Aliás, ouvimos este mesmo discurso ao primeiro ministro cessante da Grécia, Andonis Samarás, da Nova Democracia, que antes das eleições dizia ao povo grego que agora o país estava finalmente em condições de tratar do seu “desenvolvimento económico e social” e apelava ao voto no seu partido para que todos estes anos de sacrifício não se perdessem.
 
Apelo que repetiu já depois de ter perdido as eleições. Uma questão de marketing, que não funcionou dado o conhecimento da situação real da Grécia e do seu martirizado povo.
 
O mesmo discurso, a mesma intenção. Só com uma diferença: os gregos tinham uma alternativa e aproveitaram-na, mas os portugueses ainda não a têm.
 
Mas a eleição na Grécia de Alexis Tsipras, líder do Syriza, pode ser o despoletar de toda a mudança na Europa.
O indigitado Ministro das Finanças de Tsipras vai tentar renegociar a dívida, ou até renegá-la, dando prioridade ao desenvolvimento do seu pais, mesmo que isso vá contra as regras que a União Europeia está a tentar impor aos países sob resgate.
 
No entanto a Grécia tem todos os trunfos guardados para levar para as conversações que certamente vai iniciar com os seus parceiros europeus. A Rússia, a União Euro-asiática (sob o comando russo) e o Bloco BRICS, já fizeram ver ao novo governo grego que estão dispostos a aceitar a Grécia de braços abertos. Os russos ofereceram enviar o gás com destino à Europa, através da Grécia, (pagando aos gregos as taxas de transbordo) e comprando produtos gregos. E se eles passarem a emitir a sua própria moeda, não há dúvida que as exportações passarão a aumentar exponencialmente e o turismo aumentará na mesma proporção. Seria realmente este o caminho da recuperação grega.
 
Aliás, ainda mesmo antes de se realizarem as eleições gregas, já Angela Merkel tinha anunciado a sua intenção de aceitar um acordo de livre comércio com a União Euro-asiática. Ora isto, o mesmo é dizer que é uma aliança com os BRICS, distanciando-se dos Estados Unidos. Também aproveitou a morte, na semana passada, do rei Abdullah da Arábia Saudita, para se negar a vender mais armas aquele país. Ao rei Abdullah sucedeu o senil Salman, mas este regime, que igualmente como o anterior, é um dos principais financiadores do terrorismo mundial, está fadado ao fracasso.
 
Se sair a Alemanha, a Holanda e a França o que resta da Europa? A Itália e a Espanha já têm namorado os BRICS, mas ainda não se decidiram abertamente.

 Portugal de “brandos costumes”e os restantes países da Europa continuam a ser uma incógnita. Depois dos Estados Unidos, qual será o último reduto da NWO?
 


Mas também nos Estados Unidos os discursos não são muito diferentes.

 O Presidente Barack Obama, há dias no seu discurso anual sobre o estado da nação, gabou-se de serem os EUA que continuam a liderar o mundo.

 E desde então tem feito uma campanha destinada a fazer crer que assim é realmente.

 Tentou antes Cuba e agora a Índia. E mais se seguirão certamente. Mas Cuba está ligada há muito aos BRICS e a Índia é, como sabemos, um dos promotores do BRICS.


Má tentativa, que não engana ninguém. Ou talvez engane um ou outro menos avisado.

 O mal deste mundo é que há sempre muitos a acreditarem nos políticos de carreira.

 E Obama foi dizendo que o sucesso disto foi ter aliado o seu poder militar com uma diplomacia forte, destinada a formar alianças.


Adiantou ainda que conseguiu fazer uma frente comum contra a Rússia, defendendo que uma nação mais poderosa não pode intimidar as mais pequenas. Por isso apoiou a Ucrânia e outros aliados da OTAN, assegurando importantes avanços nas relações com Cuba e com o Irão (que contrariamente a Obama, já declarou há dias que ia deixar de usar o dólar em todos os seus negócios). Os EUA também contiveram, ainda no dizer de Obama, a ofensiva do Estado Islâmico na Síria e no Iraque.

 Ora, sabemos que quem está a conter os regimes árabe e israelita, está a ser a Turquia (os novos aliados da Rússia), juntamente com os Iranianos e Iraquianos e ajudados por elementos do Pentágono que já deixaram de obedecer ao Governo dos EUA.
 


Acabou afirmando que o esforço americano para isolar a Rússia, foi um êxito, pois este país presentemente está só e com uma economia em ruínas.
 
Foi um discurso bonito, sem dúvida. Mas verdadeiro? Vai haver quem diga que sim.
 
O Vice Primeiro Ministro russo, Dmitri Rogozin, sem dar grande importância a estas declarações de Obama, disse apenas que ele era um sonhador, mas já o Ministro da Relações Exteriores, Serguéi Lavrov, disse que Obama apenas evidenciou o ponto de vista dos EUA, o que era habitual nele: apelar ao patriotismo americano. E referiu depois que actualmente a Rússia é reconhecida pela maior parte dos países do mundo como a nação militarmente mais poderosa (a única capaz de sozinha fazer frente à OTAN) e estar no caminho para emparceirar, dentro de pouco tempo, com as maiores economias mundiais.

 Por fim o Presidente do Comité da Duma de Assuntos Internacionais, Alexéi Pushkov, disse que Obama no seu discurso se tinha esquecido de referir os 4.800 civis assassinados por Kiev no Leste da Ucrânia, mais mortes do que o Estado Islâmico fez até hoje.
 


E realmente os russos não tiveram qualquer receio de mais sanções nem represálias ao cortarem há poucas semanas o gás para a Ucrânia e finalmente fazerem uma ofensiva contra o exército de mercenários estrangeiros no Leste da Ucrânia, depois de terem surpreendido elementos a falarem inglês sem terem qualquer conhecimento da língua ucraniana e sem feições típicas dos seus naturais, mas fardados com a farda do exército ucraniano. 

 E para comprovarem a veracidade disto, passaram no noticiário do Russia Today um vídeo mostrando soldados tipicamente mercenários integrados no exército ucraniano.
A queda do regime fantoche da NWO e da cabala saudita no Iémen, na semana passada, também marcou um ponto de inflexão. Os iemenitas têm considerado os seus vizinhos sauditas, como pastores de camelos sem sofisticação e rudes, que simplesmente tiveram a sorte de encontrar petróleo. Mas isto está prestes a mudar.
 
A queda dos preços do petróleo e os exércitos que se aproximam, são ambos precursores da desgraça para este regime satânico.
 
Os serviços secretos britânicos e franceses informaram que o regime israelita de Netanyahu, está a perder grande parte da renda do petróleo do Médio Oriente que roubou do Iraque, devido às perdas militares que o exército do ISIS/Arábia, criado pelos israelitas, está a ter. Por essa razão, de acordo com um agente francês, "O ministro da Defesa francês esteve em Riyadh, em 4 de Janeiro de 2015 e confirmou que a Líbia será invadida, no prazo de 3 meses com a finalidade de garantir petróleo para Israel".
 
Tanto a França como Israel são dirigidos, em segredo, pela família Rothschild. Aliás este é o verdadeiro dono do Charlie Hebdo que há muito vinha a apelar a um atentado pela intenção de François Hollande de se integrar nos BRICS. Portanto, o que realmente está a acontecer é um esforço para evitar a falência dos Rothschilds mediante o roubo de petróleo do Médio Oriente e de gás da Ucrânia.
 
E já agora que estamos a falar de falências, algumas das vítimas bancárias da recente queda nos preços do petróleo estão a começar a aparecer. De acordo com fontes do MI5, a "Standard and Chartered" está à procura de um novo chefe, como resultado do mau desempenho das commodities e do petróleo; a JP Morgan fez uma exposição para produzir petróleo de grau não válido com investimento e divida de gás de 99,9 biliões de dólares, a divida do Wells Fargo é de 98 biliões e a do Bank of America de 58,7 biliões de dólares. "
 
Mas isto é apenas a ponta do iceberg. A enorme desvalorização do Euro também, com certeza, condenou muitos bancos.

 Podem ter certeza de que já estão a ser preparados planos, neste exacto momento, para aproveitar as contas bancárias das pessoas comuns, a fim de salvar os banqueiros e os bancos.
 
Por Raposa*
______________________________________
 
*O que escrevo é o resumo da consulta de várias fontes, principalmente o Russia Today (RT), Telesur, France 24, TVE, Hispan TV e outros noticiários televisivos nacionais (Portugal) e estrangeiros.
Também são fontes fiáveis: o Espia digital, Fulford e Rafapal. No entanto, destes dois últimos, aproveito apenas o que pode ser confirmado como verídico (através das imagens das fontes televisivas) ou por qualquer outro método confiável.

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Seres Gigantes Vistos a Escalar Rapidamente um Vulcão Mexicano

     Seres Gigantes Vistos a Escalar Rapidamente um Vulcão Mexicano
O vulcão Popocatepetl, no México, tem sido um foco de avistamentos de OVNIs, embora seja altamente activo. Agora, uma equipa de resgate de montanha alega ter testemunhado criaturas gigantes a subir as encostas da montanha mais rápido do que humanamente possível.
Popocatepetl está localizado nos estados do México, Puebla e Morelos, no México central. Com uma altura de 5,426 metros, é o segundo pico mais alto do México. Têm sido relatados Ovnis com frequência na área, com algumas testemunhas a vê-los a entrar ou a sair da boca do vulcão.
Numa recente entrevista na televisão Tercermilenio, o montanhista Guillermo Vidales, também conhecido como Huracán Vidales, disse que as equipas de resgate de montanha no Popocatepetl viram criaturas humanóides que medem cerca de 2,5 metros de altura, a uma altitude de mais de 4.000 metros.
Vistos em mais de uma ocasião, os seres pareciam ser magros e castanhos e não usavam qualquer roupa visível. Eles mostraram uma velocidade e habilidade incrível, de acordo com Vidales.
“Uma vez, nós vimos um desses indivíduos subir a encosta em 10 minutos, um trecho que nos demoramos cerca de 3-4 horas para subir. Eles têm uma agilidade incrível.”
Além das fotografias, Vidales diz que as equipas descobriram pegadas que não se assemelham a seres humanos.
“As pegadas são muito grandes, a parte correspondente ao calcanhar deixa um buraco, algo que se assemelha a uma garra que aparentemente está conectada ao membro – como um suporte de propulsão – nesses deslocamentos impressionantes através da neve e do gelo.”

O que são estas criaturas? Serão alienígenas de um dos OVNIs vistos na área? Parentes do Pé-Grande? Talvez habitem no interior da Terra em volta do vulcão.
Seja o que for, Popocatepetl parece não estar feliz que eles tenham sido descobertos. De acordo com o Centro Nacional de Prevenção de Desastres do México, o vulcão entrou em erupção 28 vezes em menos de 24 horas na véspera do Ano Novo.

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Notícias do Mundo

 
Foi obviamente falsificado o incidente terrorista em Paris na semana passada, Ele foi claramente destinado a preparar a opinião pública no Ocidente para uma operação para acabar com a monarquia saudita. A operação consistiu em fazer com que uma revista francesa publicasse caricaturas de um tipo que levariam à pena de morte na Arábia Saudita e logo a seguir fingissem a execução do pessoal da revista. Isto servia para sensibilizar e irritar a opinião pública ocidental sobre o tipo de coisas que faz o governo saudita.
 
É um facto que a monarquia saudita financiou e promoveu durante anos a seita radical obscurantista do Islão conhecida como wahabismo. Eles também têm trabalhado em estreita colaboração com a família criminosa de Bush durante décadas no seu projecto de substituir a democracia ocidental por uma ditadura totalitária. Este é um país no qual quem for descoberto a ter um relacionamento de adultério, a punição, nos dias de hoje, é que seja enterrado até a cintura na areia e depois apedrejado até à morte.
 
Este é também um país em que se pode morrer de forma arbitrária ao questionar o controle da família governante. Quando eu estive lá, fui informado, de que se eu tivesse um acidente de carro, devia fingir estar ferido para ser levado para um hospital, em vez de ser levado para uma delegacia de polícia. Foi-me dito que se eu acabasse numa delegacia de polícia nunca mais poderia sair de lá. A família mafiosa neste país tem vindo a utilizar a sua riqueza petrolífera para criar exércitos de fanáticos ignorantes em todo o mundo.
 
Portanto, para cortar o financiamento aos fascistas islâmicos, decapitar o regime saudita seria uma boa maneira de começar. Ou pelo menos é o que parece estar a acontecer nas mentes das pessoas que organizaram a realização dos acontecimentos em Paris.
 
Mas há um aspecto ainda mais profundo em toda esta história.
 
Os sauditas representar por si mesmos, um governo escravo controlado por elementos da loja franco maçónica P2, que querem projectar uma batalha entre o cristianismo e o islamismo, a fim destas duas religiões se fundirem numa só religião, ou numa religião mundial secretamente controlado por eles. Eles criaram e financiaram os wahabitas e outros grupos extremistas muçulmanos falsos, a fim de criarem um bicho-papão para ele foi atacado por exércitos ocidentais com o cérebro lavado.
 
O jogo final é uma ditadura fascista mundial controlada por um pequeno grupo de famílias consanguíneas. Nesta versão, a família real saudita são apenas peões actuando
no papel de vilões.
 
Quando o meu pai, Dwight Fulford, foi embaixador do Canadá na Arábia Saudita até aos finais de 1980, os membros da família real saudita que o conheciam, trataram de o fazer ler os Protocolos dos Sábios de Sião. Um príncipe saudita também disse a este escritor "temos trabalhado debaixo das suas ordens durante muito tempo." A história
que estavam a transmitir os sauditas é a de um grupo secreto "sionista" manipula os acontecimentos mundiais para tomar o controle do planeta.
 
O presidente francês, François Hollande, por sua vez, numa sua declaração na televisão pública, culpou os "les Illumines", (palavra francesa para Illuminati) de terem provocado o incidente.



       "...ces illuminés" aos 3 minutos e 30 segundos

 
Os Illuminati a que ele se referia eram provavelmente os do grupo Illuminati gnóstico, um grupo que reivindica o mérito pelas revoluções americana, francesa e russa. Este grupo quer acabar com o sistema de linhagens familiares na Europa. Hollande é afiliado à loja francesa maçónica "Grande Oriente", que iria colocá-lo no ramo francês da família Rothschild.
 
Os Illuminati, anteriormente disseram à Sociedade do Dragão Branco que querem acabar com o regime de linhagem familiar europeu também no Médio Oriente.
 
Agora vamos olhar para o que está a acontecer no Médio Oriente. O que vemos é uma aliança entre a Turquia, a Síria, o Irão, o Iraque xiita e o Pentágono aparentemente contra Israel, a Arábia Saudita, a Jordânia e o Egito. A Turquia, a Síria, o Irão e os xiitas iraquianos juntos, podem lidar com um exército moderno de mais de 1,5 milhões de homens. O Egito, a Arábia Saudita, Israel e a Jordânia podem reunir pouco menos de um milhão.
 
Se tanto o Pentágono como a Rússia apoiarem a aliança turca, e aparentemente é o que estão a fazer, isso significa, essencialmente, que a Arábia Saudita, o Egito e Israel não têm escolha senão unirem-se à aliança Turco / iraniana ou serem esmagados militarmente.
 
Agora vamos olhar para esta situação do ponto de vista dos Estados Unidos. Aqui está um regime Obama teimosamente agarrado ao poder, em Washington, que ainda se recusa a contar a verdade sobre o 11-S e o golpe fascista que se seguiu. Note-se também que nada significativo do regime Obama apareceu na grande evento PR (Boletim de imprensa, conferências de imprensa) francês na semana passada que se seguiu ao falso ataque terrorista.
 
Este é o mesmo regime de Obama que está a ameaçar vetar o plano do gasoduto Keystone para trazer petróleo do Canadá para os Estados Unidos. Aparentemente, Obama pensa que é melhor para os EUA importar o seu petróleo do regime escravo que financia os sionistas na Arábia Saudita, do que do pacífico e democrático Canadá.
 
O Pentágono, muito sensatamente, não está mais a obedecer às ordens do regime Obama.
 
O secretário da Defesa Ashton Carter, quando tomar posse do cargo no próximo mês, sabe que o resto do mundo vai parar de financiar o Pentágono e o regime dos Estados Unidos, a menos que sejam tomadas medidas contra os criminosos de guerra, começando com a família de Bush, que Obama continua a proteger.
 
Agora, vamos de volta para a Europa. A França foi atacada imediatamente após o presidente Hollande pedir o fim para as sanções contra a Rússia. A Alemanha também quer a criação de um acordo de segurança conjunta com a Rússia tornando possível que se dê também ali um incidente "terrorista" como já aconteceu com o incêndio na redacção de um jornal.
 
Isto vem, enquanto que os EUA anunciam que estão a fechar 15 bases militares na Europa e concentrando o seu poder militar na Inglaterra. A Inglaterra também está se movendo para fora da UE, com o objectivo de se tornar uma espécie de Suíça do Atlântico.
 
Enquanto isso, a Grécia, que se rege em segredo pela família real britânica (o marido da rainha Elizabeth, Philip nasceu como príncipe da Grécia e Dinamarca), está prevista para 25 de janeiro escolher um governo que vai deixar o Euro controlado pelos alemães.
 
Portanto, vamos tentar visualizar o panorama geral do que está acontecendo. Temos um novo super-estado emergente no Médio Oriente. Temos a Rússia e a Alemanha a substituir os EUA, como principais patrocinadores da segurança na Europa continental.
Temos a Inglaterra distanciar-se da Europa e a reconstruir as suas pontes com o mundo anglo-saxão.
 
Na Ásia, por sua vez, a China tem feito um bom trabalho escondendo o poderoso em que na realidade se tornou. A estatística impressionante diz tudo: nos últimos três anos, a
China produziu mais cimento do que o produzida pelos EUA ao longo de todo o século 20.
 
A China quer tranquilizar os seus vizinhos e o resto do mundo sobre o qual ele não supõe ameaça alguma. Assim, não só tolera, mas financia os esforços do Pentágono para defender os países que fazem fronteira com a China. Como parte desta, (como mencionado anteriormente neste boletim) a China concordou numa fusão entre a Coreia do Norte e a Coreia do Sul com o Japão sob a proteção do Pentágono.
 
Portanto, o Pentágono mudou 60% das suas forças para a Ásia, enquanto os russos e os alemães assumem o papel de proteger a Europa continental. O mundo muçulmano, por sua vez, vai se tornar forte e independente, de novo, exceptuando os fanáticos radicais.
 
Outra notícia que caiu sob o radar na semana passada é que a China acaba de chegar a um acordo com os países do Caribe, a América Central e do Sul (o "quintal traseiro" dos EUA) para aumentar o comércio bilateral para 500 biliões de dólares por ano.
 
E, em Washington DC, temos um regime minoritário a realizar actos anti-sociais como néscios a incitar motins raciais, a fingir ataques de hackers desde a Coreia do Norte,
etc. Na maturidade psicológica é como uma criança de dois anos que tem um acesso de raiva depois de lhe terem tirado o seu caramelo.
 
Por Raposa

Copyright © Curadora64  All Rights Reserved. You may copy and redistribute this material so long as you do not alter it in any way, the content remains complete, and you include this copyright notice link:
http://auras-colours-numbers.blogspot.com/

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

Inversão dos Polos e do Campo Magnético da Terra

                      torus

                                          torus

Um campo eletromagnético fluindo sobre os dois polos de seu eixo central Norte e Sul, resultando em um Tórus.
Mudança nos Pólos norte e sul e a Inversão do campo magnético da Terra.
 
Um número crescente de cientistas está começando a se preocupar de que a mudança dos pólos magnéticos  já parece estar em curso e que isso seja o verdadeiro motivo por trás da aceleração das mudanças climáticas em todo o planeta.
 
Não seria somente a ação do homem, a poluição do ar, a atividade vulcânica subterrânea e SUBMARINA e o consequente aquecimento dos oceanos, 0 degelo das calotas polares, mas também as mudanças em nosso SOL...
 
…Que como consequência já estariam provocando o começo lento e inevitável de uma mudança dos POLOS MAGNÉTICOS NORTE/SUL DA TERRA, fato que se imagina que já aconteceu e causou a destruição de civilizações inteiras no passado (Atlântida) e que seria um fator importante nas extinções em massa de populações do planeta. A NASA descobriu recentemente e divulgou informações sobre uma violação, mudança importante no campo magnético da Terra.
 
Esta quebra no campo magnético da Terra sozinho, na medida em que está permitindo que os ventos solares altamente carregados energeticamente entrem-PENETREM na atmosfera da Terra, é suficiente para realmente atrapalhar e mudar o clima em todo o planeta. Não só esta aceleração na mudança dos pólos magnéticos estaria bagunçando o clima planetário, mas ela também pode ter efeitos importantes sobre geopolítica global. Estas mudanças magnéticas não só são capazes de causar enormes super tempestades globais, mas pode causar o colapso da civilização planetária, em diferentes culturas e levar países inteiros ao colapso, até mesmo servindo como desculpa para entrarem em guerra uns com os outros.
 
                       
 
Tudo ainda continua a ser visto e analisado cientificamente, mas a reversão magnética dos pólos da Terra parece estar se acelerando e aumentando rapidamente e está afetando os padrões climáticos mundiais. A verdadeira questão é o quão ruim as coisas vão começar a ficar antes que tudo se instale em um retrocesso sem retorno até que se estabilize em um “novo estado normal?” Em um determinado momento da história humana, se pensava que o Pólo Norte estava na área que é hoje conhecida como a Baía de Hudson.
 
Se a área da Baía de Hudson foi a última localização do Pólo Norte, para onde ele vai mais tarde? (pelos dados atuais ele parece estar se mudando para o interior da Rússia, a uma velocidade de 55 km por ano) E quão ruim as super tempestades e mudanças climáticas no planeta se transformarão antes de tudo se estabilizar em novos paradigmas? E poderemos parar de culpar uns aos outros por estarmos causando isso e trabalharmos juntos para sobreviver e manter a civilização intacta?
 
O Centro Nacional de Dados Geofísicos do N.O.A.A. mantém um conjunto de dados anual das coordenadas da localização exata do  pólo norte magnético, voltando até o ano de 1590, derivado de medidas iniciais a partir de localização de navios para as técnicas modernas atuais. Notando que tem havido muita comunicação de mudança de pólo, ultimamente, até o ponto onde o fenômeno está realmente causando questões do mundo real, tais como fechamentos temporários de aeroportos, mudanças nas suas coordenadas que são pintadas nas cabeceiras das pistas de pouso e decolagem, uma investigação mais profunda estava  sendo necessária.
 
Depois de transferir os 420 anos de registros de dados da posição do pólo norte do Geo Data Center do NOAA, configurá-lo para caber em uma planilha do Excel, adicionando uma fórmula complicada para determinar a distância exata entre 2 conjuntos de coordenadas de latitude e longitude, aplicando a fórmula a cada ponto de dados da série, e, finalmente, planejar tudo isso em um gráfico visual, é alarmante descobrir o aumento da rapidez e uma brutal aceleração de deslocamento do pólo norte em apenas e tão somente nos últimos 10 a 20 anos. (GlobalRumbling)
 

Gráfico de deslocamento anual do pólo norte magnético durante os últimos 420 anos, mudança que se ACELEROU DRASTICAMENTE NOS ÚLTIMOS 20 ANOS (indicado pela seta vermelha no final do gráfico)
 
Desde 1860, a mudança dos pólos magnéticos bem mais do que duplicou a cada 50 anos. Isso é bastante significativo. Durante os últimos 150 anos, a mudança de pólo tem ido na mesma direção. Durante os últimos 10 anos, o pólo norte magnético se deslocou quase metade da distância total dos últimos 50 anos! Em outras palavras, a mudança do pólo NORTE aparentemente se acelerou substancialmente. Não se sabe se a mudança vai acelerar mais ainda ou se desacelerar nos próximos anos. Alguns dizem que uma inversão dos pólos da Terra já estaria atrasada, e esses fenômenos podem ser indicadores de que o início do processo de reversão JÁ COMEÇOU e de ser irreversível. (ModernSurvivalist)
 
hipótese de mudança de pólo magnético não deve ser confundida com a inversão geomagnética, a reversão periódica do campo magnético da Terra (efetivamente também mudando os pólos norte e sul magnéticos). A Inversão geomagnética tem mais aceitação na comunidade científica que a hipótese de deslocamento do pólo. A hipótese de mudança de polaridade é quase sempre discutida no contexto da Terra, mas outros corpos do Sistema Solar podem ter experimentado reorientação axial polar durante suas existências. A teoria diz que a crosta externa da Terra mudou e se moveu várias vezes no passado e que se moverá novamente no futuro.
 

Mudança do Polo Norte de acordo com os dados do NOAA, nos últimos 400 anos, com grande aceleração nos últimos 50 anos.
 
Uma inversão geomagnética é uma alteração na orientação do campo magnético terrestre de tal modo que as posições de polo sul e norte magnético  tornam-se trocadas definitivamente. O pólo norte magnético da Terra atualmente está à deriva do norte do Canadá para o interior da Rússia, na Sibéria com uma taxa anual de 55 km p/ano e atualmente em RÁPIDA aceleração. Também é desconhecido se esta deriva irá continuar a acelerar e na mesma taxa atual.
 
A Sociedade humana planetária atual com a sua dependência de energia elétrica e efeitos electromagnéticos (por exemplo, rádio, comunicações por satélite, telefonia celular, transmissão de sinais de televisão, internet, produção e distribuição de energia elétrica, localização global/GPS) pode ser extremamente (É MUITO) vulnerável a apagões  tecnológicos no caso de uma reversão de campo magnético completo da Terra.
 
O Campo Geomagnético da Terra está passando por uma reversão. Não se sabe quando ela será concluída, mas já está bem encaminhada, vai continuar em 2013 e para além. O campo está se enfraquecendo com consequências de que a irradiação do sol e vindas do espaço profundo estar penetrando em nossa atmosfera. Mas a inversão também significa mudanças profundas acontecendo no interior da terra, com consequências de terremotos em locais que não estão familiarizados com eles e novos vulcões surgindo. Durante a inversão, podemos experimentar um aumento considerável da atividade sísmica, mesmo um enxame de terremotos.
 
            

As mudanças do Polo Norte desde 80 mil anos atrás, em quatro posições, sendo a de número 4 a situação “atual” que esta em mudança para o interior da Rússia.
 
Três novos vulcões estão nascendo em vários locais submarinos do Oceano Pacífico neste momento. A reversão do Campo Geomagnético é um produto das mudanças que acontecem no interior da Terra. O núcleo está girando ligeiramente mais depressa do que a crosta externa que foi reduzida sua velocidade pelo efeito de arrastamento da lua através das marés. A rotação diferencial é o que gera o campo magnético. Como o núcleo gira, as linhas do campo magnético se comportam como o que acontece na superfície do sol quando o sol tem rotação diferencial do seu equador aos polos. A rotação diferencial em ambos os casos se estende as linhas do campo magnético, de modo que elas se enrolam em torno do sol ou da Terra.
 
Em um determinado momento, em cada caso, o campo magnético encaixa as linhas e o campo se inverte e se reconstrói. O fluxo diferencial do sol ocorre muito mais rapidamente do que o da terra, de modo que o ciclo magnético do sol ocorre em cerca de 22 anos, em média. A Terra demora mais e é aperiódica devido ao enrolamento mais lento e a interação com a lua, o sol e dos demais planetas. Inversões de campo típicos pode levar centenas de milhares ou até milhões de anos.
 
O estado atual da geomagnetosfera é muito caótico sem orientação norte-sul definitiva dos  pólos . Em vez disso, é uma colcha de retalhos de pólos em todo o lugar. É análogo ao da superfície do sol durante um período máximo de manchas solares, onde existem muitos campos acoplados por meio de  pares de manchas solares. Os restos do campo principal ainda existem, mas está enfraquecendo, com o pólo sul magnético mais perto do equador do que o pólo norte magnético. Imagens de satélite mostram que o campo global tem quebrado em muitas regiões locais com abundância de zonas neutras entre eles onde a radiação solar e cósmica pode chegar a penetrar até superfície da terra livremente, exceto pela atmosfera.
 
Em março de 2010, o Space Weather (Clima Espacial) da NASA nos disse duas coisas. O primeiro é que o campo magnético da Terra já esta quase a zero em sua força total, quebrado em centenas de pequenos campos acoplados. O sol no momento esta relativamente calmo na emissão de flares de acordo com o que é observado pela atividade solar na terra. Estas  zonas magnéticas estão mudando continuamente e há um presságio de mudança. Parece que o campo geomagnético estará globalmente neutro em torno de 2012/2013.
 
         

O campo eletromagnético do planeta é responsável pelas condições favoráveis da existência de vida em abundancia na superfície planetária. Qualquer alteração de intensidade e/ou colapso momentâneo causará um enorme impacto em toda a nossa civilização.
 
Exatamente agora, a Terra está aberta à penetração de radiação ionizante de todas as fontes, mas o clima solar local e o cósmico esta relativamente calmo. Mas isso não vai continuar assim e é difícil saber com antecedência quando um evento de radiação virá do cosmos em geral. Com o sol, podemos ter um ou dois dias de antecedência a respeito de um evento de emissão de nuvem carregada de protões, mas não para os raios gama, uma vez que vai bater no momento em que vemos sinais como uma ejeção de massa coronal.
Onde os campos magnéticos caóticos estão no seu ponto mais fraco, é exatamente por onde as auroras polares vão nos mostrar e nos alertar de que se aproxima a radiação. A radiação ionizante significa um aumento de orientação na  mudança evolutiva  e doenças relacionadas com a mesma. Um sinal dos tempos é o aumento na atividade sísmica, inclusive em regiões que são considerados geologicamente estáveis e não sujeitas a terremotos. (Newsolio)
 
A Magnetosfera da Terra é o que gera os pólos magnéticos do planeta. Ele também nos protege do vento solar prejudicial que emana do Sol e da radiação de fora do nosso sistema solar. Envolve a Terra e se estende para fora da atmosfera. É por isso que as missões para a Lua e outros planetas são prejudicadas pela radiação, mas as missões em órbita sofrem menos.
 
     AMAS
                                             AMAS
Campo magnético total da Terra, sobre o Brasil na área azul mais escura (acima) existe a AMAS, a Anomalia Magnética do Atlântico Sul (Anomalia Magnética do Atlântico Sul, AMAS ou SAA do inglês, South Atlantic Anomaly; ), observar que as linhas de campo na região formam uma figura que se assemelha a um bico de um pato, por isso é chamada “El Pato”.
 
Os cientistas sabem que a inversão dos polos já aconteceu muitas vezes no passado. A orientação da direção dos grãos magnéticos que permeiam sucessivamente a crosta da Terra, particularmente do fundo do mar são a peça principal da comprovação desse fato. Quando a rocha é nova e foi derretida os grãos magnéticos são livres para se alinharem com o campo magnético vigente. Na medida que a rocha esfria, os grãos estão congelados no tempo. Como o fundo do mar se expande para fora (no Atlântico), é regularmente listrado com as rochas orientados em direções diferentes. Isso indica que os pólos magnéticos já se inverteram muitas vezes ao longo da história da Terra.
 
The South Atlantic Anomaly, a Anomalia (magnética) do Atlântico Sul (ou SAA) é a região interna do cinturão de radiação de Van Allen da Terra faz sua maior aproximação na superfície do planeta. Assim, para uma dada altura, a intensidade da radiação é maior nesta região do que noutro local. Os cinturões de radiação de Van Allen são simétricos com o atual eixo magnético da Terra, que está inclinado em relação ao eixo de rotação da Terra em um ângulo de ~ 11 graus.
 
Além disso, o eixo magnético é deslocado a partir do eixo de rotação por ~ 450 km (280 milhas). Por causa da inclinação e deslocamento, o interior do Cinturão de Van Allen está mais próximo da superfície da Terra sobre o oceano Atlântico sul (a maior parte sobre o BRASIL), e mais distante da superfície da Terra ao longo do Oceano Pacífico Norte.
 
  
 
 Alguns cientistas acreditam que essa anomalia é um efeito colateral da reversão geomagnética. Isto pode resultar de um mal-entendido da literatura existente, que menciona um enfraquecimento lento do campo geomagnético como uma das várias causas para as mudanças nas fronteiras da SAA desde a sua descoberta. O que é verdade é que, como o campo geomagnético continua a se enfraquecer, o interior do Cinturão de Van Allen vai se aproximar da Terra, com um aumento proporcional do SAA em determinadas altitudes.
 
A porção de maior intensidade da SAA deriva para o oeste, a uma velocidade de cerca de 0,3 graus por ano, e é visível nas referências listadas abaixo. A velocidade de deriva da SAA é muito próxima do diferencial de rotação entre o núcleo da Terra e a sua superfície, que estima-se estar entre 0,3 e 0,5 graus por ano. (Maritime Connector)
 
A Anomalia do Atlântico Sul (SAA) é conhecida por estar crescendo em extensão e se espalhando desde a costa oeste da África do Sul, em direção ao Brasil, na medida em que o campo magnético interno da Terra se enfraquece rapidamente nesta região. Esta pode ser uma evidência inicial de uma futura reversão na direção do campo magnético interno da Terra. Não sabemos em detalhes exatamente o que ocorre durante essas inversões, incluindo as mudanças observadas no campo magnético e o tempo que uma reversão do campo magnético leva para se completar. No entanto, estes fatores são importantes para saber onde o risco de radiação pode ser aumentado e como a atmosfera pode responder.
 
O campo magnético da Terra tem tido muitos altos e baixos e reviravoltas em seu passado. A última reversão foi de cerca de 800 mil anos atrás (n.t. na realidade foi há apenas 13 mil anos atrás, evento que ficou registrado como o dilúvio de Noé, mas foi o afundamento final da última Ilha/continente de Atlântida). Assim, a Terra é conhecido por ser capaz de voltar a gerar o seu campo magnético e tem feito isso durante a pré-história humana. Compreender o desenvolvimento da SAA pode, portanto, ser significativo para a compreensão do processo de reversão e seu impacto sobre a vida e o meio ambiente natural do planeta. (BrittishGeologicalSurvey)
 
A Mudança polar e o aumento dos Terremotos
 
     

O aumento considerável no número de fortes terremotos nos últimos anos pode estar relacionado com o fenômeno da mudança magnética polar, e ambos são subprodutos do núcleo  externo líquido de ferro turbulento em ebulição da Terra, se agitando em torno de um núcleo de ferro interno sólido tão quente como o Sol e girando mais rápido do que o rotação externa do próprio planeta.
 
O Manto e a crosta da Terra estão flutuando em cima de um mar tempestuoso de condutores de eletricidade de ferro fundido líquido que produz o campo magnético do planeta pelo chamado efeito Dínamo. O pólo norte magnético foi localizado pela primeira vez em 1831 e tem sido regularmente monitorado até a medição mais recente tomada há algum tempo atrás, em 2001. Durante esse tempo, o pólo se moveu a uma incrível distância de 1,100 km. Na verdade, desde 1970, o pólo vem se movendo muito mais rápido, a partir de 10 km para 40 km por O deslocamento polar é causado por alterações substanciais na circulação do núcleo externo de ferro fundido da Terra.
 
O Dr. Tony Phillips de  Science News – NASA indicou os seguintes detalhes sobre reversões polares. Cerca de 400 reversões de deslocamento polar já teriam ocorrido durante os últimos 330 milhões anos, enquanto o intervalo médio entre reversões durante os tempos geológicos recentes tem sido de cerca de 200 mil anos. A última reversão de campo magnético da Terra ocorreu cerca de 780.000 anos atrás, e que hoje, aparentemente, uma nova reversão já estaria muito atrasada. A maioria das evidências recolhidas a partir de análise de certos tipos de rocha indica que um processo de reversão do deslocamento polar pode levar 1.000 ou até 8.000 anos para ser concluído.
 
            

No entanto, há também relatos e registros do próprio processo se completar muito, muito mais rápido do que isso, sendo o mais famoso a partir de medidas tomadas de rocha de lava nas  Montanhas Steens, no Oregon, que indicam que o campo magnético foi mudando até 6 graus por dia, durante um deslocamento polar especial cerca de 16 milhões de anos atrás. Tudo o que estamos vendo aqui ultimamente em relação ao deslocamento magnético polar  da Terra e os terremotos atualmente, tudo pode estar relacionado e pode ser reflexos de mudanças que estão ocorrendo nas profundezas da Terra abaixo de nossos pés. (Survivalist Moderna)
 
Mais dados e informações:

1.http://thoth3126.com.br/mudanca-nos-polos-geomagneticos/
2.http://thoth3126.com.br/pao-e-circo/
3.http://thoth3126.com.br/uma-visao-pessoal/
4.http://thoth3126.com.br/amas-a-anomalia-magnetica-sobre-o-brasil/
5.http://thoth3126.com.br/mudanca-nos-polos-magneticos-a-ciencia-se-dobra-as-profecias/
6.http://thoth3126.com.br/canada-sons-de-novo-muito-estranhos-sao-gravados-filme/
7.http://thoth3126.com.br/mudanca-nos-polos-norte-muda-muito-rapido-polo-sul-se-arrasta/
8.http://thoth3126.com.br/vulcao-cumbre-vieja-mega-tsunami-pode-atingir-o-brasil/
9.http://thoth3126.com.br/o-cinturao-de-fotons-acelera-as-mudancas/
10.http://thoth3126.com.br/mudanca-dos-polos-nortesul-esta-acontecendo-agora/
11.http://thoth3126.com.br/sinkholes-surgem-por-todo-o-planeta/

12.http://thoth3126.com.br/a-reversao-do-campo-e-dos-polos-magneticos-da-terra-ja-aconteceu-antes/
 
Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.
 
 
Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@gmail.com em 10/12/2014
 
POR EYE – PUBLICADO EM ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS E AS MUDANÇAS DA TERRA E MUDANÇA DE PÓLOS  E ATIVIDADES SÍSMICAS
 




 

 

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Cidades de Luz


Saudações, Eu sou Juliano. Nós somos os Arcturianos. O uso de energia espiritual requer a intensificação da energia. Intensificação é uma energia que pode ser descrita como usar blocos para construção. Isto é dizer que um tipo de pensamento cria as bases para outro tipo de pensamento. Um tipo de luz espiritual então constrói e permite que vocês usem e intensifiquem mais luz espiritual.
 
Nós estamos ensinando e estamos buscando intensificar suas habilidades em bio relatividade. Bio relatividade é definida como a participação de pensamentos telepáticos e espirituais direcionados ao mundo físico e dirigidos ao planeta Terra. A ideia de pensamentos mudando a estrutura física de alguma coisa requer a habilidade de intensificação.
Se vocês olharem para a natureza dos pensamentos, então vocês entenderão muito rapidamente que tem muitas ações intermediarias para criar ou manifestar alguma coisa física depois que o pensamento inicial é transmitido. Para colocar isto em termos simples, imagine que você pensou em criar uma cadeira. Então você precisa comprar a madeira. Então você precisa talvez fazer o desenho. Então precisa cortar a madeira. Então precisa pregar as peças e finalmente precisa pintar a cadeira. Tudo começa primeiro com o pensamento.
 
Agora usando a bio relatividade, nos estamos falando sobre uma intervenção física altamente complexa porque queremos mudar a natureza das estruturas físicas da Terra. Nós vamos dar instruções a vocês. Nós queremos mudar os mecanismos de calibração da Terra. Nós queremos mudar os mecanismos do circuito de realimentação. Isto precisa ser feito para proteger a biosfera por que a biosfera e estruturas associadas e o circuito de realimentação estão se movendo em uma direção que criará mais desequilíbrio. Estes desequilíbrios na Terra farão com que seja mais difícil para as pessoas viverem na Terra.
 
Vários exemplos de desequilíbrios já existem e as pessoas têm pedido minha assistência. Nós ouvimos que há ondas de calor na Turquia, por exemplo. Tem ondas de calor na Espanha. Tem incêndios nas florestas na Espanha. Tem ondas de calor no Noroeste dos Estados Unidos e tem ondas de calor no Noroeste do Canadá na Columbia Britânica, na região de Vancouver. Ao mesmo tempo, tem um frio não usual no centro e a nordeste da América. Existem lugares ao redor do planeta que tem clima frio incomum que seria descrito como não usual.
 
Muitos dos membros do grupo de quarenta pediram auxilio aos Arcturianos para ajudar, usando a bio relatividade, a diminuir o calor, e parar os incêndios florestais. Lembrem, na bio relatividade nos olhamos para o pensar e os pensamentos como o começo e as bases para mudança da estrutura física no planeta. Isto é baseado no mesmo principio de construir uma cadeira por que primeiro vocês precisam ter a ideia. Então vocês vão criar a cadeira. Existe uma diferença maior entre construir um objeto físico como uma cadeira e usar pensamento para mudar a Terra. Quando nos comparamos isto com mudar o balanço físico da Terra, então nos notamos que a maior diferença é esta: a Terra é um espírito vivo! A cadeira não é um espírito vivo. A Terra é um espírito vivo e, portanto existem interações que ocorrem entre o que vocês estão enviando telepaticamente e a habilidade da Terra para receber estes pensamentos e fazer as mudanças.
 
Lembrem, eu descrevi a ideia dos pensamentos ocorrerem primeiro antes que a cadeira fosse construída. Isto significa que o marceneiro, o fazedor de moveis, teve uma ideia de como a cadeira deveria parecer. Vamos aplicar este simples principio para a intervenção através da bio relatividade para a Terra. Vocês não podem apenas dizer, “OK, eu vou enviar para a Terra pensamentos e a Terra será curada.” Muitas pessoas pensam desta forma e eles dizem que a Terra precisa ser curada. Existe muita verdade nisto, mas nos precisamos ir para uma ideia pensamento mais especifico. A ideia pensamento especifica é assim: Qual a imagem da Terra que vocês, através da bio relatividade, querem manifestar? O que vocês querem que a Terra faça? Vocês podem dizer, “Eu quero que os incêndios parem” ou “Eu quero que o calor ou frio mude nesta parte do planeta.” Isto esta bem, mas lembrem, isto é mais complexo por que a Terra esta balanceando muitos processos diferentes.

Quando vocês dizem ou eu digo que a Terra precisa ser curada, então deixem-nos olhar mais especificamente para os problemas desta forma: os caminhos da energia da Terra estão bloqueados. Os meridianos da Terra estão bloqueados. Os oceanos têm carbono demais ou muita poluição neles, e esta poluição esta bloqueando os padrões normais de energia e o fluxo de energia. As represas nos rios e o lixo nuclear, e aqueles lugares onde bombas nucleares e testes foram feitos, criaram bloqueios nos sistemas de energia e nos meridianos da Terra. A Terra tem corredores de energia vivos. A Terra tem linhas ley de energia. Nós devemos ter certeza e visualizar que estas linhas ley e estes meridianos não estão bloqueados. Vamos voltar ao exemplo do calor excessivo na Espanha ou na Columbia Britânica. Vamos dizer isto: este problema de calor é um resultado direto de alguns meridianos bloqueados, logo o fluxo normal não é o mesmo e há uma distorção no fluxo normal. A imagem que nos queremos projetar é que os meridianos da Terra estão fluindo livremente e que há o maior balanço no fluxo de energia da Terra.
 
O problema em tentar criar esta imagem é que a humanidade precisa aprender o que uma configuração ótima dos meridianos precisa ser para o planeta. Nós podemos identificar onde há bloqueios. É muito difícil até mesmo para um computador predizer os padrões de clima neste planeta. O homem desenvolveu um modelo de alerta global para a Terra e eles dizem, por exemplo, que em quatro anos ou cinco anos, as temperaturas irão subir e é assim que o planeta vai parecer. Esta abordagem não leva em consideração todos os circuitos de realimentação no planeta.

A Terra é também auto regulável. O planeta é auto regulável e a Terra tem embutido funções auto reguladoras que estão especialmente sintonizadas com a biosfera e as forças de vida no planeta para que as habilidades máximas para favorecer as condições certas para a vida possam emergir. De que outra forma um planeta sustentaria vida? Vocês sabem que há tantos fatores complexos que devem ser levados em consideração para um planeta criar e sustentar o campo de energia para a vida. Vocês podem estudar astronomia ou vocês podem estudar “archeoastronomy” arqueologia astronómica ou astronomia galáctica ou astronomia planetária. Estes estudos podem oferecer caminhos para descrever quais são as condições para ocorrer vida em um planeta. A condição número um necessária para a vida em um planeta é a ativação da luz espiritual na biosfera do planeta.
 
Nós poderíamos rever 1000 planetas que visitamos por toda esta seção da galáxia. Nós poderíamos dizer que há 60 planetas que parecem exatamente como a Terra. Eles podem ser similares em distancia dos seus sois. Eles podem ser similares em tamanho ou até menores em tamanho, e ainda não há luz espiritual nestes planetas. Vocês ficariam até mesmo surpresos em quão similar estes outros planetas podem ser em aparência com a Terra. Seus cientistas e astrônomos já estão descobrindo novos sistemas solares. Eles já estão vendo similaridades entre outros sistemas solares e o seu sistema solar. Qual é a diferença entre planetas no sistema solar que tem vida? A diferença é que há uma força de vida e uma energia espiritual que é auto reguladora em um planeta que tem vida. Isto distingue e faz toda a diferença. Esta função auto reguladora foi desenvolvida na Terra.
 
O que é mais surpreendente, e por isto muitos de nós viajantes espaciais e viajantes dimensionais estamos interessados em vir para a Terra, é isto: sua Terra tem um sofisticado circuito de realimentação biosférico e circuito de auto regulação que tem permitido a vida existir neste planeta por tempos extremamente longos. O que é surpreendente é que depois de milhões e bilhões de anos, existiram catástrofes e catástrofes terminando a vida planetária na Terra. Estas catástrofes aparentemente poderiam extinguir toda a biosfera, mas as formas de vida voltaram. Agora as formas de vida têm lutado por grandes conquistas e grandes elevações e grande multiplicidade.
 
A Terra tem este sistema de realimentação auto regulador poderoso e a regulação da Terra e o circuito de realimentação são capazes de se recuperarem de eventos quase catastróficos. Eventos quase catastróficos têm sido incapazes de extinguir a biosfera. A Terra tem uma habilidade tremenda de regular a si mesma em face a adversidades e em face a eventos cataclísmicos.
 
Isto me leva a próxima parte desta discussão, que é: Esta a Terra ou a biosfera da Terra agora enfrentando um evento cataclísmico? O que seria um evento cataclísmico? A resposta é sim, a Terra esta enfrentando um evento cataclísmico. A biosfera esta enfrentando um evento cataclísmico. Este evento cataclísmico pode ser descrito como o homem perdendo controle de si no planeta. Eu não estou declarando isto criticamente por que qualquer espécie, incluindo os dinossauros, que ganharam domínio sobre seu ambiente, fariam exatamente as mesmas coisas que o homem esta fazendo.

O que o homem esta fazendo é parte do ciclo natural de reações instintivas. Eu uso a palavra instintiva, por que para mudar, a espécie humana deve agora evoluir para um estado mais elevado acima dos instintos e este estado mais elevado requer um salto evolucionário na consciência do homem para que o homem entenda que a Terra é um espírito vivo. O homem deve entender que a Terra pode ser comunicada telepaticamente e estas comunicações telepáticas podem começar a mudar o circuito de realimentação e os sistemas de auto regulação.

É requerida a habilidade do homem para fazer isto e esta é a ÚNICA forma de salvar a biosfera neste período de tempo. Eu enfatizo este período de tempo por que a humanidade pode dar este passo evolucionário. A humanidade pode influenciar a auto regulação do planeta. A biosfera e as condições que são necessárias para a sobrevivência do homem neste planeta poderiam desaparecer. Isto não significa que a Terra como um ser vivo se foi. Isto não significa que a Terra não seria capa de sustentar alguma forma de vida. Isto somente significa que a vida do homem e a sua vida como você a conhece em 2009 não seria capaz de continuar. Isto significa que a mudança completa poderia ocorrer se o homem continuar fora de controle. Isto mudaria totalmente a vida como vocês a conhecem. Vocês sabem quão frágil sua existência é, e quão frágil a sociedade é, ou quão frágil a comunidade global é, e quão frágil a economia global é. Estas são metáforas para quão frágil a biosfera também é.
 
Deixem-me falar sobre a economia global por um momento. A economia global reflete o pensamento de muitas, muitas pessoas. Vocês poderiam dizer que o dinheiro é o mal. Vocês poderiam dizer que o capitalismo é mal. Vocês poderiam dizer muitas coisas sobre quão ruim a economia é. Uma coisa que é evidente para nos é que a economia é baseada em uma forma pensamento econômico e esta forma pensamento econômico é baseada em interesse próprio. É baseado na ganância e é baseado em ideias de adquirir riqueza. Novamente, isto é parte do instinto do homem. Não podemos criticar isto; podemos somente observar isto. Isto reflete como o homem tem abordado a Terra. Estou dizendo que a forma como o homem vê a economia reflete como o homem vê a Terra.
 
Isto pode mudar. Quando a economia global se rompeu, demonstrou a todos quão frágil as interações econômicas são no mundo e como declínios maiores podem causar destruição indevida ao redor do planeta. Esta fratura global ainda esta reverberando. O evento atual, a energia atual que levou a esta ruptura, durou somente duas ou três semanas.
Eu sei que houve outras coisas que foram construídas que levaram a isto, mas até mesmo duas ou três semanas antes da ruptura global ocorrer, era possível evitá-la. Muitas pessoas disseram que era inevitável. Não era inevitável porque poderia haver intervenções. De fato, mais tarde houve intervenções que colocaram uma enorme bandagem na ruptura da economia global. A economia global não esta reparada ainda. Vocês poderiam dizer que é como uma ferida. Agora pode ter uma casca muito fina sob a ferida. Esta começando a curar. Ainda existe muito dano e ainda precisa mostrar muito cuidado.
 
Eu usei o exemplo da economia global por que é fácil ver quão frágil ela é e o que aconteceu. Vamos olhar para a cadeia de alimentação. Sua cadeia de alimentação é mais frágil do que a economia global. Poderia ser um pequeno acontecimento durando menos de uma semana e poderia mudar toda a cadeia de alimentação e transporte da comida ao redor deste planeta. Não seria necessário um grande acontecimento. As pessoas estão pensando, bem, talvez um terremoto pudesse fazer isto, talvez outro ciclone, talvez outro tsunami. A cadeia alimentar frágil assim.
 
A biosfera e a diversidade ambiental são frágeis por todo o planeta. Você vê evidencia disto nas secas. Você vê evidencia disto nas ondas de calor. Você vê evidencia disto nas monções não usuais. Não levaria muito para realmente arruinar vários ecossistemas chaves da biodiversidade. Estes ecossistemas da biodiversidade estão inter-relacionados, assim como a economia global esta inter-relacionada. Vocês poderiam pegar a biosfera e um ecossistema na Indonésia que esta hospedando certas espécies de maçados, e eu diria que o colapso daquele ecossistema seria muito trágico. Mas, o colapso daquele ecossistema poderia afetar os ecossistemas no Brasil, ou poderia afetar os ecossistemas na Argentina ou na Costa Rica. Vocês diriam como isto é possível? Existe uma interligação assim como existe uma interligação na economia global, tem uma interligação na biodiversidade.
 
Isto tudo leva a ideia central de equilíbrio na Terra e abertura dos caminhos da energia e meridianos da Terra. Este sistemas inter-relacionados precisam ser intensificados e as comunicações entre estes precisam ser intensificadas. A única forma que estes podem ser intensificados é pela abertura desses canais que estão ligando os meridianos com a quinta dimensão. O único caminho agora é baixar luz elevada que transcende o normal continuum tempo-espaço. Quando estes caminhos forem abertos, então as ondas de pensamento de quinta dimensão de auto regulação podem ser baixados. O que isto pareceria? É aqui que nos chegamos na ideia de Cidades de Luz Planetária. É aqui que nos chegamos na ideia de Cidades de Luz Planetária por que estamos nos movendo para um conceito que é muito galáctico.
O modelo para a auto regulação da Terra que precisa ser baixado já existe na lua-planeta Alano, e também existe em outro planeta nas Plêiades. E também existe em outros planetas de quinta dimensão onde existe uma biosfera de balanço entre as necessidades de pessoas como os humanos e os sistemas planetários. Acreditem-me, é possível baixar aquelas estruturas e aqueles pensamentos na Terra. Eu posso comparar isto com o seu subconsciente e eu sempre tento ver paralelos entre o trabalho pessoal de quinta dimensão e o trabalho planetário de quinta dimensão.
 
No trabalho pessoal de quinta dimensão, quando vocês querem criar uma mudança em si mesmos, vocês podem mais efetivamente criar um imagem visual de como vocês pareceriam depois da mudança. Então o eu, o eu maior, o eu inconsciente, manifestara a imagem para você. Novamente, nos voltamos a ideia da cadeira. Vocês podem dizer que eu quero fazer uma cadeira. Vocês podem não saber onde vocês podem conseguir a madeira. Vocês podem não saber onde vocês vão conseguir os pregos. Vocês podem nem mesmo saber onde vocês vão conseguir energia para fazer isto. Isto não faz vocês pararem de pensar sobre isto. Então vocês enviam a ideia e isto vai para o seu subconsciente e seu inconsciente.

Então o inconsciente manifesta e leva você para as coisas que você precisa. De repente você encontra a loja que tem a madeira que você quer. De repente você tem uma erupção de energia. Isto foi demonstrado, por exemplo, quando a Gudrun, a esposa do canal, construiu seu tipi. Ela não tinha conhecimento prévio de como construir um tipi, mas ela manteve a ideia do tipi em sua mente e de repente este veio a ela. Houve orientação divina. Então vocês receberão orientação divina quando vocês estiveram trabalhando com a Terra.
 
O que estou dizendo é que agora nos temos as imagens do sistema planetário, a lua-planeta Alano, a qual esta perto do Sol Central. A lua-planeta Alano esta em perfeito balanço. Existe uma perfeita harmonia das formas de vida lá. Existe uma perfeita harmonia no uso de energia lá. Existe uma perfeita harmonia no balanço dos cristais etéreos lá. Vocês podem usar ideias de Alano e baixá-las no inconsciente da Terra. Então elas irão se manifestar na Terra.
 
Nós pensamos deste jeito quando queremos afetar o sistema planetário da lua-planeta Alano: nós pensamos em temperaturas perfeitas que estão em harmonia com as necessidades de todos, na bio-eco-diversidade perfeita, no sistema de chuva perfeito para todo o planeta, correntes oceânicas perfeitas, clima perfeito e minimização da poluição na atmosfera. Nós pensamos nestas coisas. Nós recomendamos que vocês enviem estas imagens para os 11, logo serão 12, cristais etéreos na Terra. Estes cristais etéreos que nós ajudamos a baixar têm a habilidade de se comunicar com o inconsciente da Terra. Nós temos a habilidade de nos comunicar com o inconsciente da Terra no grau que manifestaria as condições necessárias para uma mudança maior.
 
Quando nos estamos olhando para eventos climáticos individuais, tais com as ondas de calor na Espanha, as ondas de calor na Turquia, os incêndios nestes países e as ondas de calor no Noroeste, então podemos também de uma forma modificada enviar pensamentos de balanço para os cristais etéreos. Estes pensamentos de balanço podem ser baixados no sistema planetário da Terra. A razão porque eu digo que nos devemos ir através dos cristais etéreos é esta: o conhecimento de como todo este circuito de realimentação e sistema de auto regulação interagem é tão complexo que a humanidade não é capaz de entende-los completamente. A humanidade não tem o computador de conhecimento e computador de energia avançados o suficiente para compreender todas estas interações. Vocês podem não entender como manifestar algo apenas pensando sobre isto e colocando aquele pensamento no inconsciente. Isto funciona e acontece.
 
Estes pensamentos de balanço podem ser colocados no inconsciente da Terra. Nós vamos fazer um exercício de bio relatividade agora. Trabalharemos com a Espanha, Turquia, e olharemos para o Noroeste dos Estados Unidos e Noroeste do Canadá. Buscaremos uma modificação do calor para que as condições para altas temperaturas e secas sejam diminuídas.
 
As pessoas da Turquia podem ir para o cristal de Istanbul-Anadolu. As pessoas da Espanha podem ir para o cristal de Montserrat. As pessoas no Noroeste dos Estados Unidos e Noroeste do Canadá, nos pedimos que elas usem o cristal de Mt. Shasta. Nós pedimos que todos participem. Ainda é possível que o calor e o clima possam ser modificados. Ainda que esta modificação possa ser temporária, este calor expressa um bloqueio. Existe um bloqueio nos meridianos da Terra que esta levando a esta mudança e ao calor. 
 
Eu quero que todos pensem que os meridianos que estão criando este calor anômalo estão agora sendo abertos para um fluxo mais “normal” nos padrões de clima e fluem através destas três áreas que eu identifiquei. Eu quero que cada um de vocês conecte o cristal com o qual vocês se sintam mais confortáveis dos três que eu mencionei – o cristal em Mt. Shasta, o cristal em Montserrat, Espanha, ou o cristal na área de Anadolu-Istanbul, Turquia. Envie aquela imagem da modificação, uma correção de energia, para que o calor volte ao normal e os incêndios diminuam. Vamos gastar vários minutos em meditação e suas ideias e suas imagens serão enviadas para aqueles pensamentos para aquelas áreas dos cristais. Estes cristais baixarão as informações na Terra. Isto será uma comunicação de grande magnitude porque todos vocês estão participando. Nós vamos começar a meditação agora. Eu usarei certos tons para começar a meditação e usarei outros tons para terminar a meditação deste exercício.

 (Uma meditação de 5 minutos é sustentada)
 
A informação e as imagens foram baixadas. Existem mais instruções a respeito de como baixar o programa inteiro para o planeta. Este tipo de descarga planetária seria baseada em uma forma modificada do projeto de um planeta elevado tal como o lua-planeta Alano. Uma replica daquele sistema de auto regulação de Alano pode ser baixado. Isto somente poderá acontecer e somente pode ser trabalhado depois que o 12º cristal etéreo for baixado no Brasil.
 
Também, para baixar o projeto no planeta este precisa ser coordenado com as Cidades de Luz Planetária. Eu quero falar um pouco mais sobre as Cidades de Luz Planetária porque nos vamos estar devotando um seminário inteiro para discutir as Cidades de Luz, seus significados e como colocar estas cidades. Estas Cidades de Luz Planetária são enclaves de quinta dimensão que podem criar uma intensificação na luz etérea de quinta dimensão na Terra. As Cidades de Luz Planetária são ancoras que permitirão a nova energia de quinta dimensão e luz aparecer na Terra. A luz de quinta dimensão esta aumentando na Terra. Vocês precisam ter a fundação na qual podem começar a criar um mundo de quinta-dimensão.
 
Nós estamos falando da ascensão planetária. Nós estamos falando sobre a energia da ascensão alcançar a Terra. Nós estamos falando sobre a energia de ascensão que causará a Terra, e cria as condições necessárias para a Terra, ascender. Mesmo antes disto acontecer, é necessário para a energia de quinta dimensão manifestar e criar aqueles enclaves na Terra.
 
Eu pedi ao canal que contatasse a todos para ver quais cidades, quais Cidades de Luz Planetária, podem ser ativadas na Terra. As instruções incluem nominar certas áreas para tornarem-se Cidades de Luz. Era nossa intenção original que tivéssemos cinco Cidades de Luz Planetária ativadas no seminário de 9-9-9. Baseados na necessidade e baseados na energia e baseados no entusiasmo, nós expandimos para 12 cidades, 12 Cidades de Luz. As Cidades de Luz terão um véu de quinta dimensão ao redor do perímetro da cidade. Este véu será poderoso. O véu permitira somente energia de quinta dimensão ao redor do perímetro da cidade. Este véu será tão poderoso. O véu somente permitira elevada energia de quinta dimensão e elevados pensamentos de quinta dimensão e pessoas elevadas de quinta dimensão trazerem sua energia para dentro daquela cidade. Isto significa que energias inferiores, vibrações inferiores, não serão capazes de penetrar o véu ou não serão capazes de influenciar as Cidades de Luz Planetária assim sombras e energias inferiores não poderão ser manifestadas.
 
Vocês podem ativar as Cidades de Luz Planetária em uma grande cidade, como Los Angeles. Entretanto, a cidade toda pode ser muito grande neste momento, para se trabalhar com ela. Portanto, vocês podem escolher um enclave, ou uma seção da cidade, para tornar-se uma Cidades de Luz Planetária. Então vocês poderiam usar esta seção para aproveitar para outras áreas e eventualmente a energia de quinta dimensão poderia abranger toda a cidade. Também, nós estamos olhando agora para nominar 12 Cidades de Luz Planetária, e então nos ativaremos as cidades no seminário.
Agora, como esta ativação ocorre? A ativação ocorre porque nos estaremos na base do Mt. Shasta, o qual é um poderoso cristal etéreo. Esta energia de Mt. Shasta pode então criar uma descarga de luz. Nós queremos, se possível, pessoas que estão nestas Cidades de Luz Planetária, que estejam presente quando nos estivermos no seminário em Mt.Shasta em 9-9-9. Estas pessoas nas Cidades de Luz Planetária podem então receber a energia.
 
Vamos usar o exemplo de Taos, por que Taos se tornara uma Cidades de Luz Planetária. Nós recomendamos Taos, porque esta na posição perfeita para isto. Haverá pessoas de Taos que estarão no seminário, mas existem também membros do GOF que estarão em Taos ao mesmo tempo. Isto criara uma ligação poderosa então nos podemos transmitir energia do seminário de Mt. Shasta para a Cidade de Luz Planetária Taos. Isto ativara Taos. As pessoas em Taos ao mesmo tempo estarão estrategicamente localizadas ao redor da cidade. Lembrem, nos estaremos operando num sistema no qual haverá um janela de 36 horas. Os trabalhadores não precisam estar nas Cidades de Luz Planetária exatamente no mesmo momento que a energia estiver sendo transmitida de Mt.Shasta. Nós anunciaremos a hora exata quando nos transmitiremos a energia para estas cidades.
 
Este modelo para o campo de energia-criação das Cidades de Luz Planetária foi demonstrado quando foi baixado o primeiro cristal no Lago Puelo, muitos anos atrás, na Argentina na região da Patagónia. Talvez a cerimônia no Lago Puelo seja conhecida por muitas pessoas. Para baixar o primeiro cristal etéreo, os trabalhadores da luz da Argentina foram ao redor de todo o lago e trabalharam ao redor de todo o lago. Quando o cristal etéreo foi baixado no Lago Puelo, na Patagónia, foi criado um véu de luz de quinta dimensão ao redor do lago o qual realmente então fez do lago uma Cidade de Luz. Mesmo hoje, este lago tem uma energia poderosa por que aquele lago e aquele cristal são a fundação básica para todos os outros 11 cristais etéreos. Este foi o primeiro cristal etéreo. Vocês podem entender que a poderosa fundação e que a poderosa energia esta ao redor daquele lago. A energia de Lago Puelo também estará se comunicando com todos durante a cerimônia para as Cidades de Luz Planetária em 9-9-9. Se possível, nos estamos pedindo para que pessoas na Argentina que estejam perto do Lago Puelo estejam trabalhando e se encontrando connosco durante a energia de 9-9-9. A próxima tarefa importante é a ativação das 12 Cidades de Luz Planetária na Terra.
 
Lembrem que estas 12 Cidades de Luz Planetária não precisam ser equidistantes umas das outras. Não é necessário que elas estejam estrategicamente colocadas para que elas estejam balanceadas. Seria ótimo se isto ocorresse. Em vez disto nos estamos olhando para a energia holográfica, e o posicionamento geográfico das cidades não precisa estar em certo padrão. Nós estamos olhando para a Terra holográfica.
 
É mais do que importante escolher as cidades que podem atingir os critérios de energia elevada, e cidades que tem pessoas que podem trabalhar para receber as energias de quinta dimensão nos locais. Seria útil se pessoas das cidades estivessem no seminário, mas isto não é absolutamente necessário. Seria também útil ter trabalhadores nos locais das Cidades de Luz Planetária durante o período de 9-9-9. Isto fará a experiência ainda mais poderosa. E nos ajudara a ativar esta energia.
 
Como é estar em sintonia com uma Cidade de Luz Planetária? Isto intensifica o campo de energia de todos. Isto pode realmente melhorar a sua saúde. Eu sei que as pessoas sempre estão interessadas em mudanças geográficas e onde as pessoas precisam viver e onde deveriam estar para seu bem maior. Obviamente, seria muito útil, quando possível, viver em uma Cidade de Luz Planetária.
 
Lembrem, vocês ainda podem ter corredores de luz ao redor de suas casas. Algumas pessoas perguntaram: ”Eu posso fazer uma Cidade de Luz Planetária ao redor da minha casa?” Eu diria que vocês podem enviar a energia da Cidade de Luz Planetária para o corredor ao redor da sua casa. Para fazer isto, vocês poderiam se conectar connosco durante o período de 9-9-9. Coloquem pelo menos cinco cristais ao redor do perímetro da área que vocês desejam conectar com as Cidades de Luz Planetária. Vocês podem também fazer um corredor ao redor de suas casas para que este possa receber este campo de energia de quinta dimensão das Cidades de Luz Planetária.
 
Vocês podem criar um véu de luz de quinta dimensão que é usado ao redor das Cidades de Luz Planetária ao redor da sua casa. É mais fácil para vocês manterem as Cidades de Luz Planetária ao redor de suas casas por que vocês têm um controle melhor de quem entra e o que vocês fazem na suas casas. Mesmo uma bela cidade como Taos ainda requer que pessoas trabalhem com o campo de energia de quinta dimensão das Cidades de Luz Planetária para mante-la elevada, para mante-la forte e para mante-la sagrada.
 
Na realidade, nos estamos criando áreas sagrada na Terra que são de quinta dimensão e estas áreas serão a Nova Jerusalém. A Nova Jerusalém não será apenas uma cidade, porque a energia de Jerusalém é multidimensional. A energia da Nova Jerusalém é energia de quinta dimensão e estará acessível em muitos lugares diferentes no planeta. Sim, isto pode incluir Jerusalém, mas também, a energia da Nova Jerusalém é como uma energia Messiânica. A energia Messiânica estará disponível para todos que estão em alinhamento com a quinta dimensão.
 
Finalmente, nós queremos discutir a ideia de Cidades de Luz e suas cidades irmãs correspondentes em outros planetas. Nós estaremos providenciando mais informações sobre como trabalhar com as cidades irmãs nos outros planetas que ajudarão a manter a luz planetária. Vocês tem cidades irmãs agora, por exemplo. Uma cidade normal nos U.S. pode ter uma cidade irmã na Alemanha, por exemplo. A ideia é o intercambio de energia entre estas duas cidades. Por isto se pode ter cidades irmãs.
 
Agora nos podemos ter planetas irmãos que estão trabalhando. Nós elucidaremos todos estes assuntos. Vocês são ótimos trabalhadores da luz e vocês estão rumando para habilidades maiores para serem curadores planetários. Nós estamos prontos para introduzir o próximo maior passo transformador para o GOF. Eu sou Juliano. Bom Dia.
 
Mensagem de Agosto de 2009
Introdução as Cidades de Luz Planetária
Copyright © 2009 David K. Miller
P.O. Box 4074 Prescott, AZ 86302 USA
http:/www.groupofforty.com
Tradução: Silvana Pereira
http://www.osarcturianos.com/
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

copyscape

Protected by Copyscape

Meditação da floresta

Qigong

Sobre o Amor

Adam Kadmon

Meridianos MTC

Kundalini

viagem astral

Toroide - Energia Livre

Formas de Pensamento

A Grande Invocação

Meditação pela Paz

Meditação fora do espaço e tempo (a qualquer hora e em qualquer lugar, sem inscrições nem regras)Apelo ao envio de Luz...

Posted by Auras, Cores e Números on Sábado, 11 de Julho de 2015

Aura - o que é?

Controlo da Mente

Vida ET


"Se não existe vida fora da Terra, então o universo é um grande desperdício de espaço."- Carl Sagan
Posted by Auras, Cores e Números on Sábado, 29 de agosto de 2015

Chakras

Deva Premal - playlist